Sem Medo de Ser Santo

Muitos se apavoram só de ouvir a sentença bíblica de que sem santificação ninguém verá o Senhor.

Porque logo se pensa que isto significa um viver ao modo dos santos canonizados, ou em reclusão total.
“Pessoas estranhas e tão poucas, estas pessoas santas”. Esta é a ideia geral, quando não se conhece ainda o que seja a verdadeira santidade.
Ela é totalmente evangélica. Ou seja: conforme a graça e misericórdia do evangelho, que cobre nossas faltas com o sangue de Jesus, e segundo a promessa que Deus fizera de perdoar nossas iniquidades e não se lembrar jamais dos nossos pecados.
É portanto uma santificação baseada em puro perdão. Em perdões sucessivos de nossas faltas.
Todavia, o caráter essencial desta santificação é a habitação do Espírito Santo em nós, fazendo-nos coparticipantes da natureza divina.
Quão excelente coisa é ser santo e assim continuar a ser. Participando de todas as atividades normais da vida. Alegrando-se com pura alegria e paz, que nos são concedidas por Cristo, em tudo aquilo que pensamos ou fazemos.
A santificação torna a nossa vida plena de significado, gosto e sentido. Ela nos ensina a viver o real sentido da palavra humanidade.
É somente por ela que experimentamos o que é ser humano segundo o propósito divino.
Glórias então a Jesus Cristo, por meio de quem podemos viver em verdadeira santificação.
Fonte:http://estudos.gospelmais.com.br/ 

Share:

0 comentários