Impedimentos à oração


Salmos 72.20
-Introdução: Davi compõe as mais belas orações da Bíblia. Por isso as palavras deste versículo são preocupantes: “Findam as orações de Davi, filho de Jessé”. Isso me leva a refletir o porquê de suas orações terem terminado. Poderia ser apenas uma conclusão literária de um grupo de salmos de Davi. Mas será que ele parou de orar? Teria morrido? Esfriou na fé? Não sabemos.
Gostaria de trazer essa reflexão para nossas vidas e pensar: quando acabarão minhas orações? Desejo que terminem só quando eu morrer como a Bíblia diz: “orai sem cessar” (I Tessalonicenses 5.17).
Vemos muitas pessoas que deixam suas orações acabarem com facilidade. Uns por que são impacientes e querem receber rápido, na hora que querem. Outros por ingratidão, depois de abençoados não sentem mais necessidade de buscar ao Senhor.

Você parou de orar?

Vamos meditar sobre algumas coisas que impedem nossas orações:

1- Pecado
Salmos 66.17-20
O pecado não confessado é um impedimento às orações. Quando Adão e Eva pecaram a primeira coisa que fizeram foi se esconder de Deus (Gênesis 3.9,10). Assim também quando a pessoa está em pecado não consegue orar pois“as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que vos não ouça” (Isaías 59.2).
No momento de oração não pode faltar a confissão de pecados. É preciso falar o nome do pecado para o Senhor confiando que “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (I João 1.9).
Quando confessamos os pecados, sentimos aceitos por Deus e temos mais liberdade de entrar na presença do Senhor pelo Sangue de Jesus que nos lava (Hebreus 10.19) sabendo que“o que as confessa e deixa alcançará misericórdia” (Provérbios 28.13).
Você tem confessado os seus pecados ao Senhor!
Confesse e receba o perdão!

2- IncoerênciasTiago 3.9 e 4.3
Algumas incoerências como a língua que fala uma coisa com Deus em oração e cantando nos louvores, mas depois fala outras coisas, como se Deus não ouvisse tudo. Em oração diz que ama o irmão e nas conversas fala mal.
Além da língua tem também o egoísmo. Tiago explica que não recebemos o pedido de oração por que pedimos mal, com segundas intenções.
Deus sabe de tudo, o que falamos, pensamos e sentimos, por isso devemos orar de “todo o coração” (Jeremias 29.13) e não divididos em partes.
Se formos sinceros em nosso pedido, sabemos que Deus “é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós” (Efésios 3.20).
Você tem sido sincero em seu pedido a Deus?
Ore ao Senhor de todo o seu coração!

3- Relacionamentos ruinsI Pedro 3.7
Outra barreira para oração são os relacionamentos conduzidos de maneira errada. Não adianta a pessoa ser crente fervoroso dentro da igreja apenas.
O texto fala especialmente para os maridos por que na época os homens eram maioria à frente da Igreja e por isso o apóstolo se preocupa com a integridade deles como líderes. Hoje esse versículo vale para filhos/as, esposo/a, sogro/a, cunhado/a, vizinho/a, etc.
Há pedidos de oração que filhos recebem por causa de mães que perseveram de joelhos. A família é uma rede onde Deus lança suas bênçãos.
Da mesma forma há respostas que não vêm por que Deus sabe que se, por exemplo, prosperar o pai, os filhos podem não estar preparados para isso, ou se abrir porta de emprego para a mulher, naquele momento a família pode se desestruturar por não estar pronta para sua ausência no lar.
Você sabia que é pecado não orar? Leia I Samuel 12.23. Principalmente não interceder pelas pessoas que estão próximas de nós, por que Deus quer a integridade da família. Se não for bom para o lar, não é da vontade de Deus. Por isso cuide de seus relacionamentos familiares. É importante nutrir a casa com louvor, Palavra e oração. Não peça apenas para você, mas contemple todos de sua casa.
Você tem cuidado de sua família em oração?
Ore em casa tanto quanto na Igreja!

4- Falta de humildadeLucas 18.10-13
A falta de humildade também impede a oração por que a pessoa nem sente que precisa de Deus. Sabemos que satanás foi expulso do céu por causa do orgulho e ele tenta levar essa sentimento na vida das pessoas para se sentirem melhores que outros como se não precisassem de ninguém, nem mesmo de Deus.
Na oração não podemos determinar nada para Deus. Não temos o direito de exigir nada. Nem somos merecedores. O Senhor que por sua Graça determina suas bênçãos na Palavra para nós recebermos. Precisamos pedir com humildades, buscar com insistência e bater com amor para receber a resposta (Mateus 7.7).
Como diz o ditado ‘Deus não dá asa à cobra’. Ele sabe quem somos e se há orgulho no coração ou não. Por isso muitos pedidos não são aceitos. Na verdade não estamos preparados. O tempo que passamos em oração serve para nos moldar e preparar para a resposta. Quando oramos e as coisas não mudam é por que precisamos mudar. Então precisamos colocar “a boca no pó; talvez ainda haja esperança” (Lamentações 3.29).
Você tem orado com humildade?
Humilhe seu coração diante do Senhor e Ele te ouvirá!

Não pare de orar!
-CONCLUSÃO:
Ao iniciar a oração devemos pedir ao Senhor que o Espírito Santo nos ajude a orar “como convém” (Romanos 8.26). Orar para orar. Pedir ao Senhor que nos proporcione momentos com Ele. Desligue telefones, feche portas (Mateus 6.6). Esforce para concentrar na oração “levando cativo todo pensamento à obediência de Cristo” (II Coríntios 10.5). Então você poderá orar livremente e nem verá as horas passando.
Lembre-se de confessar os pecados, corrigir incoerências em palavras e ações, cuidar da família e relacionamentos e ser humildade diante do Senhor. Ore sempre em nome de Jesus (João 16.24), segundo a Sua vontade (I João 5.14) e com perseverança (Lucas 18.1-8).

Fonte: http://www.esbocosermao.com/

Share:

0 comentários